CIRURGIAS

O cirurgião deve atender seus pacientes de preferência num ambiente hospitalar.

01.Cirurgias Minimamente Invasivas (Laparoscópicas)

As principais operações abdominais realizadas por laparoscopia são:

  • Retirada da Vesícula biliar por cálculos(pedras) ou pólipos;
  • Cirurgia para tratar o refluxo crônico de ácido do estômago para o esófago (Hernia de hiato)

Nossa unidade é especializada também nos casos de reoperações de hérnia de hiato. Estes são casos mais complexos, de pacientes que já realizaram esta cirurgia e necessitam ser reoperados devido a um problema na cirurgia ou mesmo por reaparecimento dos sintomas.

02.Cirurgias Micro invasivas

Trata-se de uma evolução da cirurgia laparoscópica. Os cortes da microlaparoscopia são tão pequenos que nem precisam ser fechados com pontos.

O Dr. Marcelo é um dos pioneiros e maiores entusiastas desta técnica no Brasil. “A microlaparoscopia é a única das evoluções técnicas da laparoscopia que nos últimos anos foi capaz de trazer vantagens comprováveis”.

As tradicionais cirurgias de vesícula e hérnia de hiato também podem ser realizadas por microlaparoscopia. Mais recentemente, o Dr. Marcelo publicou o uso desta técnica também para cirurgias de hérnias inguinais e na cirurgia bariátrica (Link para os artigos)

Trata-se de uma evolução da cirurgia laparoscópica. Os cortes da microlaparoscopia são tão pequenos que nem precisam ser fechados com pontos.

O Dr. Marcelo é um dos pioneiros e maiores entusiastas desta técnica no Brasil. “A microlaparoscopia é a única das evoluções técnicas da laparoscopia que nos últimos anos foi capaz de trazer vantagens comprováveis”.

As tradicionais cirurgias de vesícula e hérnia de hiato podem ser realizadas por microlaparoscopia. Mais recentemente, o Dr. Marcelo publicou o uso desta técnica também para cirurgias de hérnias inguinais e na cirurgia bariátrica na Surgical Endoscopy, Minimally Invasive Surgical Sciences, Arquivos de Gastroenterologia e Journal of the Society of Laparoendoscopic Surgeons.

02.Cirurgias Micro invasivas

03.Tratamentos cirúrgicos para Hiperidrose

A doença do suor excessivo afeta cerca de 3% da população. Conforme a localização do excesso do suor existe um tratamento mais adequado, que podem ser desde o uso de cremes e medicações até as simpatectomias. As simpatectomias são cirurgias feitas por microlaparoscopia, em que se retira um segmento do chamado nervo Simpático. Ela pode ser feita no tórax ou na região do flanco, conforme a localização  da hiperidrose.
Trata-se de cirurgia de rápida execução e recuperação. São  realizadas sob anestesia geral e normalmente com apenas um dia de internação. Pacientes que são submetidos a simpatectomias podem apresentar alguns efeitos colaterais da cirurgia. É justamente sobre isto que se devem abordar as consultas pre operatórias.

Nosso livro “Hyperidrosis: a complete guide to diagnosis and treatment” vem facilitando muito a compreensão sobre a doença e seus tratamentos. Recomendamos que antes de fazer qualquer tratamento, o paciente saiba mais sobre sua doença.

Em 1998 realizou a primeira cirurgia de hérnia inguinal laparoscópica no Brasil, sem uso de descartáveis . Abria-se uma nova fase da cirurgia laparoscópica brasileira. De lá pra cá, tornou-se a principal referência nacional neste tipo de cirurgia.

Confira os aspectos técnicos da cirurgia de tratamento das hérnias inguinais por técnica totalmente extraperitoneal.

Além da cirurgia de hernia inguinais, realiza também a correção de qualquer tipo de hérnia abdominal, seja por laparoscopia ou mesmo por reconstruções abertas da parede abdominal.

04.Cirurgias das Hérnias Abdominais

04.Cirurgias das Hérnias Abdominais

Em 1998 realizou a primeira cirurgia de hérnia inguinal laparoscópica no Brasil, sem uso de descartáveis . Abria-se uma nova fase da cirurgia laparoscópica brasileira. De lá pra cá, tornou-se a principal referência nacional neste tipo de cirurgia.

Confira os aspectos técnicos da cirurgia de tratamento das hérnias inguinais por técnica totalmente extraperitoneal.

Além da cirurgia de hernia inguinais, realiza também a correção de qualquer tipo de hérnia abdominal, seja por laparoscopia ou mesmo por reconstruções abertas da parede abdominal.

05.Cirurgia Bariátrica mini e micro invasiva

“A cirurgia da obesidade é uma das grandes conquistas recentes da medicina.”

Contando com equipe multiprofissional criada há quase 20 anos e milhares de pacientes operados, a cirurgia da obesidade é uma de suas prediletas. “Este é sem dúvidas, um dos assuntos que mais estudo, que mais me envolvo e para o qual sou mais solicitado, em especial como professor e pesquisador.” É uma pena que no Brasil, a cirurgia bariátrica tenha se banalizado tanto. Mas ainda resta um certo espaço pra quem se importa com qualidade

Fale Conosco

Perguntas Frequentes

Quais são as cirurgias realizadas?

Cirurgias do Aparelho Digestivo. Principalmente a cirurgia para retirada da vesícula, cirurgia para doença do refluxo, cirurgias das hernias da parede abdominal( hernia da virilha, do umbigo, e as hernias que se formam após cirurgias abertas), cirurgias de obesidade, cirurgias para tratar hiperidrose.

Vocês atendem convênios médicos?

Sim, temos alguns convênios com operadoras de saúde para a maior parte das cirurgias que realizamos. Consulte nosso atendimento para saber mais.

Quantos dias necessito para me recuperar deste tipo de cirurgia?

Depende da doença e da cirurgia. Cirurgias de vesícula podem receber alta no mesmo dia. Cirurgias de hérnia da virilha por laparoscopia podem voltar a trabalhar em até três dias. Cirurgias bariátricas necessitam de 10 a 15 dias de afastamento.

Vocês atendem somente em Curitiba?

Sim, a clínica está localizada no bairro Ecoville, na zona oeste de Curitiba, dentro do Hospital INC. É o único local onde atendemos e onde operamos.

Share This